Embaixadores dos oceanos MAR>programacoris.blogs.sapo.pt

.Visitantes

.posts recentes

. Vida de eremita...

. Pinta Estrelas

. Prémio Dona Antónia- Idei...

. Stella Maris- Concerto An...

. Sérgio Azevedo, notícia P...

. Prémio SPA "Melhor Trabal...

. T-Shirts a favor da Assoc...

. Fotografia vida selvagem:...

. Espírito da floresta

. Fotografia de vida selvag...

.arquivos

. Maio 2012

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

Quinta-feira, 19 de Agosto de 2010

DVD TRANSAT 6.50 FRANCISCO LOBATO

Foto: FL web site

 

DESAFIOS OCEÂNICOS

 

Trailer : http://www.youtube.com/watch?v=8sKSyWyu2eY

 

O Projecto No Reino do Dragão acompanha o desafio que Francisco Lobato se propôs: ser velejador oceânico..navegar em solitário....chegar à "Vendée Globe", a prova que faz a travesia do mundo em solitário, sem escalas.

 

Neste verão, enquadrado na campanha "Vamos mergulhar na música!", que tem visibilidade pública através da área do projecto NRD "Coro Infanto-Juvenil Estrelas-do-Mar", acompanhamos a sua presença na "La Solo Quiberon", a sua estreia na "La Solitaire du Figaro" e acompanharemos ainda a prova "Cap Istambul", que decorrerá de 14 a 30 de Setembro.

 

A razão pela qual o fazemos é a paixão que temos pelo mar, que atravessa todo o projecto, originando as mais diversas actividades. Por isso realizamos uma divulgação junto dos portugueses e dos estrangeiros.

 

O projecto insere-se no "cluster" MAR, nomeadamente ao nível da sensibilzação da população portuguesa para que tenham conhecimento dos mares e usufruem dele; para que os Portugueses "ocupem" de novo os seus mares, tão extensos, e neste momento, à beira de levar o país a crescer vinte vezes, assim sejam atendidas as pretenções portuguesas (ver Estrutura de Missão para a Extensão da Plataforma Continental).

 

Por tal não nos conformamos com o grande desconhecimento que existe (da população em geral) sobre pessoas que desenvolvem um trabalho notável e que nos orgulham e motivam para sermos melhores Portugueses.

 

Não aceitamos a falta de espaço nos media, o desinteresse, por desempenhos excepcionais como é o caso do Francisco Lobato (apear de ele ter alguma, naturalmente, mas não é seguramente a que merece).

 

Por isso não regateamos esforços - sobretudo quando o Francisco Lobato e a sua equipa nos fazem redefinir  as palavras: sacrifício, esforço, empenho, coragem- para darmos visibilidade a esse esforço, a essas enormes conquistas.

 

Durante a regata La Solo Figaro, os media especializados em Vela, teceram os maiores elogios ao Francisco.Cabe-nos a nós, Portugueses, não deixar o apoio a um campeão, desta estirpe, por maõs alheias; contrariar o habitual " é preciso ir lá para fora para ser reconhecido", ensinar às crianças a olhá-lo como um exemplo a seguir, como o seu herói, e colocar o poster na parede do quarto.

 

Tudo isto a propósito do registo que se encontra já disponível, em DVD, sobre a prova Transat 6,50, que Francisco Lobato venceu em 2009, fazendo 4200 milhas em solitário, num percurso de França até ao Brasil.

 

O filme foi feito pelo próprio Francisco Lobato (a bordo) e também pelo Francisco Lufinha: a dupla inseparável!

 

O DVD tem o P.V.P. de 14.99, pode ser adquirido na loja DND (Desconto Náutico Directo, Doca de Belém, Lisboa), online (www.dnd.pt) e estará brevemente  à venda na ANL (Ass. Naval de Lisboa), CVA (Clube de Vela Atlântico)e ainda Yatch Clube do Porto.

 

Comprem, ofereçam aos amigos, ofereçam aos vossos filhos!

 

É um belo filme e estão a apoiar os DESAFIOS OCEÂNICOS do Francisco Lobato que bem merece!

 

======================

 

DESAFIOS OCEÂNICOS

 

"Navegar num barco à vela por si só já é um desafio. É preciso afinar as velas para obter o maior rendimento possível da força do vento, levar o barco na direcção certa pelo meio das vagas e criar uma rota, ciente de todos os perigos que o mar e as zonas costeiras apresentam à navegação, de maneira a poder evitá-los.

 

O velejador oceânico Francisco Lobato, para além de navegar, fá-lo na maioria dos casos sozinho, percorre grandes distâncias, durante várias semanas e em competição contra os melhores. Esta é a vida do primeiro velejador oceânico solitário Português a participar e ganhar a travessia do Atlântico em solitário, de França até ao Brasil, num barco de apenas 6,50m.

 

Em 2010, e graças ao patrocínio das empresas ROFF, Tempo-Team, TMN e BIZ, o Francisco parte para um novo desafio, que é a classe Figaro Bénéteau 2. Esta é uma classe muito mais exigente do que a classe Mini 6,50, onde a totalidade dos velejadores são profissionais e o nível é extremamente elevado. É muito comum encontrar, no currículo destes atletas, várias travessias do Atlântico e voltas ao Mundo em monocascos ou trimarans de 60 pés para cima.

 

Entre 2010 e 2012, o Francisco pretende competir no seu Figaro 2, para ter tempo de evoluir com os melhores e estar no seu mais alto nível em 2012, apto a preparar uma campanha para rainha das regatas, que é a Vendée Globe, à volta do mundo em solitário e sem escalas, em 2016."FL web site

publicado por APCUNHA às 11:08
link do post | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds